Arqueologia Industrial

Que fazer com os restos de uma sociedade moderna que investiu na era mecânica? Esta proposta transforma uma estrutura residual num edifício de uso público ou habitável.

O projecto Arqueologia Industrial propõe a transformação de uma grua num objecto arquitectónico. Embora a grua tenha sido concebida para executar uma função específica, a sua reutilização torna possível habitá-la. A grua reciclada é o resultado de um sistema tecnológico cuja estrutura funcional expõe o esqueleto aos requisitos mecânicos da própria máquina. Não há nenhuma capa ou pele. Respeita as regras de estabilidade estrutural e da máxima flexibilidade do seu uso. Uma das mais-valias desta proposta reside na capacidade de transformar estruturas residuais em edifícios de uso público ou habitável. Concebido para poder ser aplicado a todos os portos, o projecto Arqueologia Industrial cria raízes no imaginário colectivo e acrescenta um novo significado à fachada das cidades.

Este projecto foi apresentado em 1997, na Universidade de Berkeley (Califórnia), como tese de mestrado. Foi exibido no Okland Museum of Califórnia na exposição “Along the waterfront”.

Visualizar SITE