WEBeograd

A teia apresenta uma nova topografia que valoriza o carácter tridimensional da cidade, ligando os novos edifícios e espaços públicos de modo a revitalizar a área como um todo.

O novo Centro Ribeirinho em Belgrado é uma proposta delicada para uma natureza complexa, onde os rios Danúbio e Sava se encontram. O conceito apresenta uma malha/teia que projeta uma nova topografia para o lugar. A teia oferece um sistema flexível em que cada edifício se pode adaptar a diferentes usos. A transformação da morfologia cria soluções inovadoras em espaços públicos que rompem com as tradições da arquitetura convencional e dos espaços públicos, devido às suas diferentes naturezas.  Novas topografias valorizam o carácter tridimensional da cidade, ligando instituições e instalações para revitalizar a área como um todo. Não há nenhum ponto central na teia urbana, mas uma série de cruzamentos, onde diferentes actividades da vida urbana ocorrem simultaneamente. A nova cobertura pretende unir a parte mais alta da cidade com a zona portuária, um tipo de rampa paisagística que engloba construção. A proposta  funde confiança e respeito. Confiança? O projeto possui uma tecnologia inovadora usada para construir Beton Hala e a porta do aterro construído sobre o rio Sava. Respeito? O lugar é valorizado por vários espaços públicos ligados pela rede de pedonal projetada através da geometria da malha.

Visualizar SITE